Todos ouvimos falar em Regra dos Terços nos cursos de fotografia básica. Se você não está familiarizado com o termo, dê uma olhada no post anterior. Trata-se de um recurso de composição em que busca-se posicionar os pontos principais de interesse da cena sobre divisões de terços no enquadramento.

O que se acredita, entretanto (embora, até onde eu saiba, não exista confirmação), é que a Regra dos Terços é uma simplificação da Proporção Áurea – que encontra plena representação na Espiral de Fibonacci.

Vamos por partes. Você já deve ter percebido que posicionar seu assunto sobre uma das linhas que dividem a foto em terços pode não ser tão eficiente quanto deslocá-lo um pouco para o centro. Se nunca tentou fazer essa leve alteração, experimente. Quando fazemos isso, estamos nos aproximando de uma divisão da cena em segmentos áureos.

Para entender do que estamos falando, imagine um retângulo. Quando acontecer de a divisão do tamanho de seu lado maior pelo seu lado menor resultar em algo próximo a 1,618, poderemos dizer que ele está aproximadamente na Proporção Áurea. Isso pode ser observado, por exemplo, na fachada do Partenon grego.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

O Partenon. Imagem da Wikipédia, eu não fui para a Grécia.

Você pode acompanhar o resto do raciocínio na figura seguinte. Nela, podemos chamar o lado maior do retângulo de a + b, e o lado menor, de a. Conforme dissemos, dividir a + b por a resulta em 1,618… . O que você deve observar agora, entretanto, é que quando se divide a por b, também temos esse número como resultado. Note também que, na figura, existe um quadrado com lados valendo a, e que sobra, assim, um retângulo menor, na parte direita. Esse retângulo também está na Proporção Áurea. 

free-golden-ratio-scheme-vector

A Espiral de Fibonacci

Continuando com essas divisões, sucessivamente, temos uma sequência infinita de retângulos que podem ser formados, sempre obedecendo à Proporção. Como consequência, esses retângulos levarão ao traçado da Espiral de Fibonacci.

A Geometria nos traz como Espiral de Fibonacci ou Espiral Dourada a espiral logarítmica com fator de expansão igual a um número irracional próximo de 1,618. Esse desenho em forma de caracol não só inspira o design e as artes desde a antiguidade, como também se encontra presente em diversas estruturas da natureza, como o formato de folhas de determinadas plantas ou mesmo, ao que tudo indica, a arcada dentária de seres humanos.

Quando você pesquisar sobre isso na Rede, perceberá que existe muita “forçação de barra”, tanto quando se relaciona a Espiral ao formato de certas conchas de moluscos quanto quando se aplicam máscaras com esse formato sobre fotografias. Apesar disso, é possível afirmar que seguir essas linhas, em maior ou menor grau, quando você compõe suas imagens, pode ser uma boa pedida.

É um bom começo observar que b não é metade de a, que é o fundamento em que se baseia a Regra dos Terços. Para seguir a Proporção Áurea, você deverá posicionar seu assunto um pouco mais para o centro do enquadramento (ou seja, sobre a linha que divide o retângulo maior num quadrado mais outro retângulo).

Na imagem abaixo, fiz algo que se assemelha ao que proponho.

proporcao-aurea

Copyright | B. Andreoli

O casal, que é o assunto, está mais ou menos sobre a linha que divide o retângulo na Proporção Áurea. Minha homenagem a essa constante lendária não vai para muito além disso, embora os olhos da noiva estejam quase sobre a linha horizontal, que também se origina na Espiral. O máximo que ainda posso dizer é que, grosseiramente, a vegetação à esquerda da imagem acompanha a linha curva inferior.

Não creio que faça sentido ficar fazendo contas durante suas saídas fotográficas, da mesma forma que não há por quê ficar horas a fio debruçado sobre o Lightroom, com a intenção de enquadrar todas as suas fotos sobre a Proporção. Minha intenção foi transmitir a existência desse número e um pouco de sua relação com a fotografia. Se você ficou interessado, não deixe de consultar algumas das referências abaixo.

Fontes:

The Fibonacci Sequence, Spirals and the Golden Mean – https://math.temple.edu/~reich/Fib/fibo.html

How To Use the Golden Ratio To Improve Your Photography – http://www.apogeephoto.com/how-to-use-the-golden-ratio-to-improve-your-photography/

A Proporção Áurea – http://www.entreculturas.com.br/2011/03/curso-de-fotografia-aula-4/ 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s